Comunicado – Como poupar energia em casa 💡

Quercus explica como poupar energia em casa 💡

Simples conselhos que ajudam as famílias a limitar o consumo de eletricidade

Com o recolhimento domiciliário, o consumo de eletricidade das famílias aumentou, o que significa que a despesa com as faturas de energia será maior. Neste período, a rotina diária de toda a família inclui, quase exclusivamente, atividades de trabalho, refeições, limpeza e lazer em casa, com recurso a equipamentos elétricos e eletrónicos, nem sempre utilizados da forma energeticamente mais eficiente. Aproveite esta ocasião para incutir na sua família novos comportamentos, cujos benefícios se repercutirão na sua carteira e no ambiente, mesmo quando esta situação de emergência estiver concluída.

Para tal, a Quercus selecionou alguns conselhos que a sua família pode começar a pôr em prática. Pode encontrar outras recomendações em www.topten.pt.

Conservação e preparação dos alimentos

  • Regule e mantenha constantes as temperaturas do termostato do frigorífico

Reduzir as temperaturas do frigorífico (+5°C) e do congelador (-18°C) faz aumentar os consumos em cerca de 10% e estraga alguns alimentos.

  • Arrume adequadamente os alimentos no frigorífico e congelador

Tenha em atenção as capacidades dos compartimentos e evite o contacto direto com as paredes do aparelho para manter a ventilação.

  • Evite abrir muito tempo e muitas vezes as portas do frigorífico/congelador

Estas são as causas principais do aumento da temperatura interna do aparelho (cerca de 20%) e do consumo elétrico.

  • Retire do frigorífico, uma hora antes, as refeições que tiver que aquecer
  • Quando usar o forno, opte pela função circulação forçada (ventilação)

Pode diminuir em 10°C a temperatura do forno, acelera o processo de cozedura e pode inclusive cozinhar em vários tabuleiros simultaneamente.

  • Desligue o forno 10-15 minutos antes do tempo

Aproveitando o calor residual para terminar a cozedura.

  • Abra a porta do forno apenas quando necessário

Numa cozedura de 20 minutos a 250°C, abrir a porta durante 10 segundos implica consumir mais 8% em energia.

Informática e Entretenimento

  • Reduza o tempo de entrada em hibernação e desligar do monitor e computador

Defina tempos reduzidos de 5 minutos e 15 minutos respetivamente. E desligue também a ligação wireless se não estiver a usar a internet.

  • Ajuste a luminosidade do ecrã do computador e televisor

Adequar a luminosidade à luz ambiente é também mais saudável para os seus olhos.

  • Anule os consumos de standby e off-mode dos aparelhos eletrónicos

Desligar no comando pode não ser suficiente e, por isso, use tomadas com corte de corrente ou tomadas inteligentes, para evitar consumos extra.

Climatização da habitação

  • Aproveite ou proteja a sua casa do aquecimento natural dos raios solares

No Inverno, de dia abra os estores e feche as janelas, à noite feche-os; no Verão, se houver radiação direta, baixe os estores e abra as janelas (se a temperatura exterior o permitir). Não se esqueça de ventilar as divisões 10-15 minutos por dia.

  • Adeque a temperatura da habitação às temperaturas exteriores e à estação do ano

No Inverno a 19-20°C e no Verão a 25°C e use vestuário adequado às condições.

  • Climatize apenas as divisões que usa e evite deixar portas ou janelas abertas

Aproveite o temporizador do aparelho para ligar e desligar em alturas específicas.

  • Lembre-se que ao subir 1°C, no ar condicionado, consome mais 7% em energia

 

Alguns conselhos foram produzidos no âmbito do projeto HACKS, que se apoia na plataforma Topten.pt. O seu objetivo é promover a substituição, nas habitações, de equipamentos de aquecimento e arrefecimento ambiente e de água, que tenham ultrapassado o seu tempo de vida ou estejam obsoletos e fazer a divulgação de soluções alternativas, a baixo custo.

O projeto recebeu financiamento do programa da União Europeia Horizonte 2020: pesquisa e inovação ao abrigo do contrato de subvenção nº 845231. O conteúdo apresentado é da inteira responsabilidade dos seus autores. Não reflete necessariamente a opinião UE. Nem a EASME, nem a Comissão Europeia, nem os parceiros deste projeto são responsáveis pelo uso que possa ser dado à informação aqui apresentada.
 

Lisboa, 14 de Abril de 2020

A Direção Nacional da Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza

Recent Posts
minuto verde ecocasa